Recent Posts
Featured Posts

Aula de fotografia com André Lessa

andre lessa.jpg
Av Ipiranga, São Paulo

Foto de André Lessa - 3º lugar Prêmio JT de jornalismo 2010

Ontem foi quinta-feira dia 17/05/2012 foi um dia meio frio aqui na cidade de São Paulo, mas recebemos a presença do foto-jornalista, do jornal Estadão do estado de São Paulo, André Lessa. Este é um homem branco, de olhos claros, cabelo baixinho e rapadinho, na faixa de 1,70m de altura e que tem um filho pequeno.

André Lessa iniciou três faculdades, a 1ª foi publicidade e propaganda, a 2ª educação física, a 3ª medicina veterinária, mas não terminou nenhuma pois percebeu que não tinha vocação nem sentia prazer com as áreas nas quais ele estava estudando.

André Lessa começou a estudar e a se dedicar à fotografia e `as artes. Seus amigos percebendo que ele gostava de fotografar e se dedicava nas fotos, começou a chama-lo para fotografar e a dar-lhe oportunidade de trabalho como fotógrafo.

Ele já trabalhou como fotógrafo na revista Quatro Rodas da editora Abril e atualmente ele tem contrato com o jornal Estadão do Estado de São Paulo. Ele não pode trabalhar para outro jornal enquanto não vencer o contrato, mas ele pode trabalhar e ele trabalha para revistas, ele também trabalha como fotógrafo freelancer onde ele for solicitado.

Ontem ele nos mostrou fotos que ele tirou de carnaval, fotos de esporte, fotos de favela, foto da polícia armada na favela, fotos de políticos, fotos de manifestação na USP, fotos de manifestação na rua, fotos das enchentes, fotos do BB King em preto e branco, retrato de presidentes de empresas.

Alguma destas fotos de carnaval e de esporte ele tirou em velocidade lenta pois ele tinha a intenção de borrar o vestido da baiana ou de borrar o carro.

Ele comentou que para entrar no estádio de futebol com a aparelhagem fotográfica o fotógrafo tem que ter a carteirinha do sindicato dos fotógrafos ele também comentou que ele já ficou esperando por 6 horas a situação que ele queria fotografar, que ele já fotografou de manhã, a tarde, a noite e até de madrugada e para a pessoa ser um fotógrafo profissional ela tem que ter paciência, saber esperar a cena desejada ou importante, entender sobre velocidade, abertura, iso (asa).

Texto de Sandra de Oliveira, umas das participantes do Trecho

Follow Us